@DDito 8


@DDito 8
Boletim da XVII Jornada da EBP-MG

  Conferência do Prof. Newton Bignotto



     

Nesta última quinta-feira, tivemos a satisfação de escutar a conferência do Dr. Newton Bignotto, como atividade preparatória à XVII Jornada, acerca do eixo:  "A política do para todos e a exceção do sinthoma". 

Foi uma conferência vibrante e elucidativa, trazendo-nos a distinção entre a ideia de igualdade, homogeneidade e exceção na história da filosofia política cotejando com a vida prática que é onde a política se resolve efetivamente. Percorrendo a trajetória desses termos em todas as épocas, nos levou até aos confins da sociedade capitalista e de consumo, dos dias atuais.

Nosso conferencista advertiu-nos que a noção de igualdade é muito exigente e confundí-la com a ideia de homogeneidade pode acarretar consequências nefastas para o destino dos povos. "Quando a nação pretende identificar seus membros por semelhanças e diferenças, que estão fora do universo político, ela acaba permitindo ao racismo transformar-se em política de Estado." (BIGNOTTO)

Na vida política, atual, podemos destacar que foi quando se buscou a igualdade nos modos de vida, no comportamento dos corpos, que saímos do campo da política democrática dos povos e caímos na política de gestão das populações, da administração articulada ao mercado e à ciência, onde as cifras, a técnica, a avaliação e os projetos para todos se elevaram visando alcançar a ideia de homogeneidade. Por essa via é que assistimos ao avanço da biopolítica, ou seja, a biologia sustentando a política, como bem anotou o colega Ram Mandil.

Newton Bignotto, por fim, afirmou que a tensão entre o indivíduo e o cidadão é insolúvel no campo da política, confirmando a assertiva freudiana sobre o impossível que se apresenta no ato de governar. A conferência de Newton Bignotto, disponível em vídeo neste número, é uma preciosa referência para orientação dos trabalhos do eixo I - "A política para todos e a exceção do sinthoma".

E por falar em @DDitos por bibliografia, já estão a disposição do nosso leitor as referências bibliográficas como orientação para a produção dos trabalhos. Temos mais novidades, pois acabamos de acrescentar à nossa lista, novas referências de leitura indicadas pela colega Lucíola Macêdo que, generosamente, nos enviou suas dicas. Procure a referência que lhe convém na página "eixos de investigação", disponível em nosso blog: www.jornadaebpmg.blogspot.com.br

Aguardamos seu trabalho, do dia 1 até o dia 20 de agosto.

Não fique fora dessa! Aqui não há homogeneidade, cada um imprime a marca do seu estilo para elucidar a questão que o causa na escrita desse trabalho endereçado à comunidade da EBP-MG.


Fernanda Otoni - Coordenadora da XVII Jornada da EBP-MG


Vídeo do 2º Seminário Preparatório da XVII Jornada da EBPMG


Parte I




Parte II





Jornada EBP-MG